Matheus Prado

Matheus Prado é terapeuta, médium, espiritualista, e tem o despertar consciencial das pessoas como sua principal meta. Aos 17 anos , teve suas primeiras experiências espirituais fora do corpo (projeção astral) e também através da clarividência. Aos 18 já coordenava sessões mediúnicas de cirurgias espirituais com média de 100 médiuns e 700 assistidos. Aos 19, participou de diversos projetos levando a medicina alternativa e espiritualidade para diversas pessoas, um deles foi o projeto Amazônia Sem Fronteiras. Hoje, ele segue em sua jornada tentando o despertar consciencial das pessoas que o conhecem.

13 minutos O QUE É MEDIUNIDADE ? A mediunidade é a condição de ser um intermediário entre planos, intermediário vem do latim Médium. Essa é uma capacidade inerente a todos os seres, ela proporciona o contato entre planos, seja entre o plano fisico e astral, como também entre outros. Mediunidade não é doutrina Sem dúvida, a mediunidade ainda causa polemicas no mundo em que vivemos, muitas vezes por desconhecimento, acreditam que a mediunidade está atrelada ao fato de ir “nesse” ou “naquele lugar”. Na realidade, a mediunidade Continue lendo

1 minuto Vídeo Mensagem da Assistência Espiritual Amigo, fico feliz que nos percebeu… Nosso trabalho é esse que você viu , fazemos assistência espiritual para nossos irmãozinhos á suas casas, lá eles se recuperam, para logo depois voltar a nos alegrar no plano físico. Se engana quem pensa que nossa tarefa se resume a isso, quando um bichinho volta ao plano espiritual, geralmente a dor fica nos donos que ficaram por aqui, pois na maioria das vezes eles não compreendem que ninguém morre. Para Continue lendo

1 minuto Discernimento Espiritual se desenvolve com o tempo, através de nossas experiências, essa é uma “habilidade”, que anda de mãos dadas com o “estar consciente do agora”. O discernimento espiritual que eu falo nada mais é que a capacidade de você discernir o que é real e o que não é real, o que é certo e o que não é certo. Para exemplificar, vou dar o seguinte exemplo: Eu estou bem, e aí decido ir na casa de um amigo, ao adentrar a casa começo a sentir sensações estranhas, Continue lendo

3 minutos Quando a kundalini* e o iogue ainda vivem na morada de Brahma, situada na base da terra, eles ainda se prendem aos farrapos do corpo e estão cegos por Maya. É através da disciplina e o progresso consciencial que aos poucos a visão da sua verdadeira morada é revelada. Estando nessa morada,  o iogue tentou desapegar de seu lar, mas ainda permanecia apegado ao corpo, e na medida em que trilhavam no Dharma* , ia deixando pra trás todos os seus apegos. Continue lendo