ASSISTÊNCIA APÓS A MORTE DE UM BICHINHO – UM BREVE RELATO

Tempo de leitura: 1 minuto

Vídeo

Mensagem da Assistência Espiritual

Amigo, fico feliz que nos percebeu…

Nosso trabalho é esse que você viu , fazemos assistência espiritual para nossos irmãozinhos á suas casas, lá eles se recuperam, para logo depois voltar a nos alegrar no plano físico.

Se engana quem pensa que nossa tarefa se resume a isso, quando um bichinho volta ao plano espiritual, geralmente a dor fica nos donos que ficaram por aqui, pois na maioria das vezes eles não compreendem que ninguém morre.

Para todos esses donos que ainda não compreendem, irradiamos energias á eles, procurando estabelecer um equilíbrio.No entanto, sabemos que a verdadeira compreensão só vem com o tempo e a maturidade dos que ficam do lado de cá.

Como você pode ver, nós os tratamos com muito amor e carinho, sabemos da importância de um bichinho em nossas vidas. Sabemos que a mesma luz que brilha em mim, também brilha neles.

Quando encarnado na Terra, sofri com a morte do meu cachorro, mesmo tendo uma certa maturidade espiritual, demorei um pouco para superar a perda dele.Afinal, naquela encarnação era só eu e ele.

Após o meu desenlace, já no plano espiritual, tive a oportunidade de trabalhar no desenlace dos animais, fiquei muito feliz e logo abracei a tarefa.

Eu sei que você vai compartilhar esses escritos com outras pessoas, por isso quero deixar um recado para todos que perderam seus bichinhos, ou até mesmo um parente querido.

********

Não acendam velas, acendam o fogo da compreensão do Eterno!

Não reneguem a vida após o desenlace, reneguem suas tolices!

Não rejeitem um novo animal em suas vidas, mas cuide de quantos puderem !

Saibam que há uma luz Oniabarcante, essa luz pulsa em todos nós e neles.

Saibam que o espírito nunca morre, ele vive sempre !

 

(Recebido espiritualmente por Matheus Prado)

São Miguel Arcanjo, 27 de fevereiro de 2017;

PS: O espírito que prestava a assistência espiritual, me passou essa mensagem estava acompanhado de um tigre enorme, ele ficavam andando pela sala em que eu estava.

ASSISTÊNCIA APÓS A MORTE DE UM BICHINHO – UM BREVE RELATO
4.8 (96%) 5 votes

Comentários

Comentários